Por que bebês regurgitam?

Por que bebês regurgitam?

A maioria dos bebês regurgitam sem que isso traga prejuízos ao seu desenvolvimento mas é possível diminuir as ocorrências com alguns procedimentos simples

Em torno de 40% dos recém-nascidos regurgitam regularmente. A pior fase é aos 4 meses, época em que a golfadas são mais frequentes. Existe uma diferença entre a golfada e vômito. O vômito geralmente é mais forçado e em quantidade maior que a golfada. Se seu bebê parece nervoso, ele provavelmente está vomitando já que quando regurgita o bebê parece nem perceber.

Quando o bebê engole ar junto com o leite materno ou fórmula, o ar fica preso junto com o líquido. Assim, o ar precisa sair e quando saí, vem um pouco do líquido junto.

Os bebês comem muito em proporção ao seu peso, e alguns são mais gulosos, por isso, algumas vezes, eles ficam cheios demais e tem que colocar um pouco para fora.

Além disso, o sistema digestivo de um recém-nascido ainda não está completamente desenvolvido. Os músculos do esôfago, que controlam a entrada e saída da comida, ainda estão se acostumando com a velocidade das mamadas. O bebê ainda não tem controle.

Algumas dicas podem ajudar a manter a comida do seu bebê na barriga e não na sua roupa:

  • Deixe o bebê o mais em pé possível na hora de amamentar. Assim o caminho do leite ao estômago será livre.
  • Mantenha um ambiente tranquilo durante as mamadas. Reduza o barulho e outras distrações e tente não deixar o bebê ficar com muita fome antes de começar a amamentar. Se ele estiver distraído ou faminto, tem mais chances de engolir ar junto com o leite.
  • Se o bebê estiver mamando de mamadeira (seja fórmula ou leite materno), certifique-se que o buraco no bico não seja muito pequeno, o que o deixará frustrado e o fará engolir ar. Por outro lado, se o buraco for muito grande, ele poderá engasgar porque o leite será abundante.
  • Faça o bebê arrotar após cada mamada. Se, por acaso, seu bebê para naturalmente durante a mamada, aproveite a pausa para fazê-lo arrotar. Desse modo, se há algum ar, vai sair antes de entrar mais comida. Se em poucos minutos ele não arrotar, não se preocupe. Volte a amamentar e tente fazê-lo arrotar depois.
  • Deixe a barriga do bebê sem apertos. Verifique se a calça ou fralda não estão muito apertadas. E, não aperte a barriga na hora de colocar o bebe para arrotar. Evite sair de carro logo após as mamadas porque recliná-lo na cadeirinha do carro pode pressionar o estômago também.
  • Não balance o bebê após a mamada. Deixe-o na posição mais em pé possível por meia hora ou mais. Assim, a gravidade irá ajudá-lo.
  • Não alimente seu bebê demais. Se o recém-nascido golfa a cada mamada, ele pode estar comendo mais do que aguenta. Tente dar menos fórmula ou amamentá-lo por menos tempo e veja se ele está satisfeito.
  • Se o seu bebê regurgita enquanto dorme, tente elevar sua cabeça no berço. Não é seguro colocar um travesseiro mas é possível colocar uma espuma em baixo do colchão para elevar a cabeça ou colocar calços embaixo dos pés da cabeceira do berço (verifique a segurança desses calços para que o berço não escorregue ou tombe).

A boa notícia é que por volta dos 6, 7 meses, ou quando eles aprendem a sentar sozinhos, a maioria dos bebês para de regurgitar. Alguns ainda continuam até o primeiro aniversário.

Regurgitar não é nada sério se, mesmo colocando o excesso para fora, o bebê continua ganhando peso como deve. Converse com seu pediatra e certifique-se que seu bebê está engordando conforme o esperado.

Fonte: Guia do Bebê

4301 visitas no total
3 visitas hoje

Comentários

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com apk4phone.com tengag.com moviekillers.com